Como ganhar inscritos no YouTube em 2018 de graça: 11 dicas

Como ganhar inscritos no YouTube e usar sua audiência massiva a favor do seu negócio?

Esse é um desafio importante, mas não apenas seu.

O mercado está de olhos em um canal já altamente rentável e que deve se tornar ainda mais atrativo nos próximos anos.

Para começar, o YouTube tem mais de 1 bilhão de usuários ativos.

Isso representa quase 1/7 da população mundial e 1/3 dos usuários da internet.

Incrível, não?

E tem mais: até 2020, segundo pesquisa da Cisco, 80% de todo o tráfego na internet se dará por meio de vídeos.

Estamos falando de uma previsão cuja data para se confirmar remete para daqui a dois anos já.

Não custa lembrar que, quando se fala nesse tipo de conteúdo, o YouTube é rei.

Há outras alternativas, é claro, mas nada que chegue perto de tamanha audiência.

Como proprietário de um canal do YouTube, capturar a atenção de usuários significa crescimento.

É a chave para manter visualizações no longo prazo.

Mas só isso não é suficiente.

Você precisa obter assinantes realmente interessados.

São eles que vão assistir, compartilhar e se envolver com seus vídeos enquanto você continua a criar mais conteúdo.

E mais, e mais.

Só que, para saber como ganhar inscritos no YouTube, esse é só o começo.

Curioso para descobrir mais?

Criamos este artigo como uma espécie de guia sobre o assunto.

Você conferir 11 dicas valiosas para elaborar a sua estratégia na plataforma de vídeos e atrair a audiência de forma orgânica.

Ou seja, você vai ver que tem como ganhar inscritos no YouTube grátis.

Siga a leitura e obtenha as respostas que procura.

Como ganhar inscritos no YouTube: a importância

Antes de detalhar como ganhar inscritos no YouTube, é preciso entender por que você deve buscar esse objetivo.

Como já destacado, o formato de vídeo está liderando o caminho no cenário do marketing de conteúdo.

Nesse contexto, o YouTube é atualmente a plataforma líder em blogs de vídeo (vlogging), compartilhamento de vídeos e marketing de vídeo.

É uma poderosa ferramenta gratuita oferecida pelo Google e que muitos (inclusive nós) adoram.

Vale ressaltar que o Facebook e o Twitter recentemente entraram nesse jogo, otimizando suas plataformas para a exibição de vídeos, mas eles ainda não conseguem ter o tipo de impacto que o YouTube tem.

O YouTube nasceu para os vídeos e não é por acaso que ele virou sinônimo para esse tipo de conteúdo na web.

Se você atualmente possui um canal na rede social, deve se perguntar como pode obter mais assinantes e o que deve fazer para aumentar o alcance de seus vídeos.

Afinal, como já dito, há mais de um bilhão de visitantes únicos do YouTube por mês.

É gente que está online diariamente, consumindo o que a plataforma oferece.

Dessa forma, há um grande público em potencial para cada vídeo carregado.

E para você não é diferente – basta encontrar a audiência correta.

Quer se trate de um vídeo de alguém que execute uma brincadeira ou um review de algum produto ou serviço, o YouTube é a plataforma ideal para o consumo de vídeos.

Se não está presente nele, fica difícil ser encontrado.

Tanto é assim que, hoje, é o segundo mecanismo de busca mais utilizado, atrás apenas do Google.

Além disso, com um novo número de estrelas do YouTube em ascensão a cada dia, os chamados youtubers, ele é definitivamente uma plataforma a ser considerada por toda estratégia de marketing e de publicidade online.

Pode ser o canal perfeito para que blogueiros ampliem seu alcance na internet, fazendo uma conexão pessoal com seus seguidores e gerando enormes volumes de tráfego.

Porém, para fazer isso, a primeira coisa a ser feita é obter esses seguidores.

Esse é o desafio central que nos propusemos a responder neste artigo: como ganhar inscritos no YouTube?

A partir de agora, você vai conferir 11 dicas que vão fazer toda a diferença nos seus resultados.

São sugestões tanto para pessoas que estão apenas no começo da sua jornada no YouTube quanto para quem já até possui um canal no ar.

Elas podem ajudar você a estabelecer as bases para a sua marca nessa plataforma.

Vamos lá?

1. Dê um tema ao seu canal

O primeiro passo para começar a sua jornada do YouTube é planejar o que o seu canal vai abordar.

Ou seja, é preciso definir um tema para ele e, então, definir a estrutura dos vídeos.

Tente descobrir o que você mais ama criar e se concentre em desenvolver seus vídeos com temas e habilidades relacionadas a isso.

Se já tem um negócio ou uma ideia de empresa em mente, esse é o nicho a explorar.

Não imite as tendências dos canais do YouTube, por mais que goste delas.

Fazer o que você ama e conhece bem é muito mais importante para o seu sucesso.

Os visitantes tendem a ter um melhor engajamento e interesse nos vídeos se você definir um script antes.

Afinal, ele ajuda na organização de seus vídeos de forma eficiente e mantém você no caminho certo.

Também contribui para manter o foco em um determinado tópico e assegura um fluxo perfeito de cenas e ações, resultando em um vídeo bem segmentado.

O ideal é incluir o máximo de detalhes possíveis no seu script.

Entre eles, podemos citar:

  • As palavras exatas que você vai dizer

  • As ações que irá realizar no vídeo

  • Os pontos principais que você precisa para ressaltar

  • Todos os CTAs (call to action) necessários para convidar o usuário a executar  uma ação.

Identifique seu público-alvo e escreva seu script com base em sua compreensão, falando a mesma linguagem que ele.

Eles utilizam uma linguagem mais técnica?

Quais são os seus níveis de especialização em relação ao seu conteúdo?

Eles querem algo engraçado ou mais informativo?

Todos os questionamentos que fizer nessa etapa vão ajudar você a entrar nos detalhes, como mencionamos antes.

Além disso, muitos canais do YouTube mostram uma espécie de trailer no topo de sua página, que é exibido automaticamente quando os visitantes os verificam.

Criar esse trailer pode ser uma boa maneira de explicar para a audiência sobre o que se trata seu canal, deixando claro o que eles podem esperar de você.

Você pode juntar imagens de seus vídeos passados ou até mesmo entregar a sua mensagem de forma direta ao público.

Depois, pedir que eles se inscrevam no canal.

O importante é ser o mais objetivo possível e manter a duração entre 30 e 60 segundos.

Ou seja, seja rápido, objetivo e preciso na mensagem.

2. Publique um conteúdo incrível

Uma coisa é certa: você precisa criar conteúdo envolvente, informativo e leve.

Ou não haverá como ganhar inscritos no YouTube.

Tendo isso em mente, tente conservar o vídeo com essas características durante toda a sua duração.

Perder o gancho no meio pode custar muitos espectadores.

Para a audiência, é muito fácil fechar uma janela e abrir outra até encontrar o que quer.

E o pior: talvez não mais voltar ao seu canal.

Você pode criar qualquer conteúdo que deseja, de acordo com seu nicho de mercado e audiência.

Mas o conteúdo que realmente funciona melhor é aquele que é divertido e informativo ao mesmo tempo.

Esse é um padrão com qualquer tipo de marketing de conteúdo, mas é claro que há estratégias mais direcionadas ao humor do que outras.

Seja como for a sua, antes de fazer o upload, verifique se os seus vídeos são altamente envolventes e se vão agregar algum valor para o seu público.

Do contrário, será tempo perdido (para você e para eles).

3. Publique com frequência e consistência

A principal razão pela qual alguém se inscreve em um canal do YouTube é porque gosta do trabalho do editor e quer ver mais de seus vídeos.

Isso é óbvio, mas precisa ser lembrado.

Os assinantes do YouTube geralmente tendem a abandonar canais que não produzem conteúdo regularmente.

Especialmente na atual era digital, os consumidores querem receber de forma contínua mais e mais entretenimento.

Eles encontram o conteúdo que mais combina com seus desejos, se tornam seguidores e fãs, além de divulgadores.

Você precisa ser capaz de acompanhar as demandas de seus assinantes.

A coerência é a chave para o desenvolvimento de um relacionamento duradouro com eles.

Lance seus vídeos de forma oportuna, recorrente e estruturada.

Tente publicar um vídeo por semana, ou pelo menos dois a três por mês.

Crie um cronograma e não carregue vídeos fora dessa programação.

Isso pode prejudicar a sua reputação.

É como assistir suas séries de TV favoritas: um novo episódio sai de acordo com um cronograma regular.

Veja essa consistência como a chave para o usuário ficar “preso” no canal e esperar ansiosamente por um novo vídeo.

4. Faça alguns vídeos Evergreen

Em poucas palavras, vídeos Evergreen (ou perenes) são vídeos que se mantêm relevantes com o passar do tempo.

É como se não envelhecessem.

Você assiste hoje ou daqui a cinco anos e é tocado da mesma forma.

Muito bom para os seus objetivos, não é mesmo?

São uma excelente forma de conseguir mais inscritos no YouTube de forma natural.

Porém, eles funcionam melhor para alguns nichos do que para outros.

Na maioria das vezes, o conteúdo Evergreen é voltado para iniciantes.

Não é a toa que grande parte dos vídeos desse tipo são aqueles que falam sobre “como fazer” alguma coisa.

Significa que não devem fazer parte da estratégia?

Nada disso!

Só use com moderação e apenas depois de conhecer muito bem seu público e mesmo aquilo que oferece a ele.

5. Use anotações

As anotações são os chamados “pop ups” – as vezes irritantes – que aparecem enquanto o vídeo é reproduzido.

Mas eles podem ser uma verdadeira benção para os canais maximizarem seus inscritos.

Se usado de forma adequada, você pode obter mais assinantes, fazendo com que seus visitantes cliquem neles durante o vídeo.

Além disso, elas são um ótima maneira de inserir suas chamadas para ação (CTA).

Um simples link criado para se inscrever no canal pode ser colocado ao final do seu vídeo, por exemplo.

O importante é ser feito de forma discreta.

Assim, você verá as suas assinaturas crescerem.

Mas, novamente, o segredo aqui é não ser irritante.

Os usuários não vão se inscrever se o seu único motivo para criar vídeos é fazer com que mais pessoas siga por esse caminho.

Seja esperto, ofereça mais conteúdos relevantes e você colherá os frutos dessa estratégia.

6. Crie engajamento com sua audiência

O YouTube, assim como as demais redes sociais, é baseado no engajamento, conexão e interação entre pessoas.

Dessa forma, quando os seus assinantes sabem que você se preocupa com eles, eles se preocuparão com você.

É simples assim.

Por isso, é preciso investir tempo no engajamento com a sua audiência, ouvir seus pedidos na seção de comentários e criar uma comunicação de via dupla.

Certifique-se de responder a todos aos comentários em seus vídeos.

Isso fará com que seus espectadores se sintam conectados o tempo todo com você.

Também vai criar confiança e respeito com sua marca.

7. Use tags eficazes em seus vídeos

Vale lembrar que um baixo número de visualizações do vídeo pode nem sempre ocorrer apenas em razão da oferta de um conteúdo fraco.

Ou seja, também pode indicar uma fraca descoberta.

As tags, ou meta tags, são uma espécie de etiqueta que descrevem o seu conteúdo para os mecanismos de buscas.

E como já dito, o YouTube é hoje o segundo canal mais utilizado para esse fim.

Mas como as tags ajudam no desafio sobre como ganhar inscritos no Youtube?

Entenda que a ação contribui para que você se torne descoberto facilmente nos tanto no Google quanto no próprio YouTube.

Usar o Google Keyword Planner para obter ideias sobre palavras-chave relevantes para seus vídeos pode ser uma boa saída.

Você precisa ser visto e notado.

Esse é um princípio inseparável do marketing.

Então, se certifique de adicionar todas essas palavras-chave aos seus vídeos.

O segredo é não inundar o vídeo com palavras-chave, mas sim incluir alguns dos termos com bom número de buscas.

Você também pode pesquisar outros vídeos da concorrência, por exemplo, e ver quais tags eles estão usando para ter algumas ideias.

Lembrando que fazer benchmarking é aprender com aqueles que disputam o mercado com você.

8. Use o YouTube Ads

Até aqui, falamos que tem como ganhar inscritos no YouTube com uma estratégia orgânica, sem custos que não envolvam tempo e seu esforço.

Mas dá para abrir a carteira para melhores resultados.

O YouTube Ads é a plataforma de anúncios pagos do próprio site.

Utilizar essa ferramenta pode ajudar a aumentar sua base de assinantes de forma mais efetiva.

Ela permite que você faça uma boa segmentação (gênero, idade, local, etc.) e alcance o público ideal para aquele conteúdo, otimizando o ROI, ou retorno sobre o investimento.

Além disso, outro ponto positivo é que a cobrança é feita somente se o usuário executar a ação que você deseja.

O pagamento pode ser realizado por CPC (Custo Por Clique) ou CPV (Custo Por Visualização).

Isso possibilita um maior controle sobre suas campanhas e resultados.

9. Convide as pessoas a se inscreverem em seu canal (CTA)

Obviamente, pedir para os espectadores que curtam e se inscrevam no seu canal no final de cada vídeo é algo básico para gerar bons resultados.

Você também pode explicar por que eles devem se inscrever no seu canal e os benefícios dessa ação.

Lembre que, depois de inscritos, você precisa cumprir com sua promessa e atender à demanda para manter esses assinantes interessados e engajados no canal.

É um trabalho contínuo de ganhar inscritos e retê-los como parte da sua audiência.

10. Use o recurso de playlist

Você trabalhou duro para adquirir um visitante pela primeira vez, certo?

Ele precisou pesquisar uma palavra-chave relevante, ver seu vídeo nos resultados do YouTube e, por fim, clicar em seu resultado.

Agora, o desafio é transformar esse visitante ocasional em um assinante.

Para ajudar você nessa missão, criar playlists pode ser uma arma fundamental.

Afinal, elas impulsionam o consumo de conteúdo, retêm os assinantes e aumentam o tempo de exibição dos vídeos.

Tente criar playlists segmentando seu público em grupos de usuários que se moverão através do seu conteúdo.

Por exemplo, uma playlist para visitantes de primeira viagem, contendo seus melhores vídeos ou, então, playlists que falem sobre um mesmo tema.

Quando mais você conhece aquilo que oferece e a audiência que atrai, mais eficaz é nos seus movimentos no canal.

11. Não compre seguidores

Assim como no Instagram, também tem como ganhar inscritos no YouTube pagando para isso.

Porém, a prática pode prejudicar mais do que ajudar sua marca.

Na verdade, é um tiro no pé.

Além de ser antiético, você acaba gastando para comprar uma audiência que talvez não esteja interessada no seu conteúdo e que não trará benefício algum.

Além disso, a conta corre o risco de ser banida do YouTube.

Resumindo: esqueça o assunto.

Ou melhor, lembre para que nunca caia nesse erro.

Comece a capturar leads hoje mesmo com o Klickpages

Você sabia que pode usar seus vídeos também para capturar leads?

Se conta com uma boa audiência, por que não atrai-los para a sua base de contatos?

Você pode oferecer uma  newsletter com novidades, talvez baixar um e-book ou se inscrever em um curso.

Para isso, só precisa de um CTA bem construído e de uma landing page que vai confirmar as conversões desejadas.

Veja como é fácil usar o Klickpages para isso:

  1. Escolha seu modelo: veja opções de alta conversão comprovada por testes.

  2. Customize a página: edite textos, cores e imagens, além de ocultar elementos que pouco agregam.

  3. Publique: publique no próprio domínio, sem custos adicionais de hospedagem.

Conclusão

Neste artigo, vimos que tem como ganhar inscritos no YouTube praticamente de graça.

Ao investir tempo e esforços para construir uma estratégia bem elaborada, você atrai a audiência de forma orgânica.

Com o tempo, pode qualificar seus resultados junto a um plano de marketing com mídia paga, no chamado YouTube Ads.

O importante é que se dedique ao estudo do seu público a partir daquilo que oferece.

Encontre os seguidores ideais para o seu projeto e se dedique a eles.

Produza conteúdo relevante e com regularidade.

Se seguir as dicas que acompanhou ao longo do texto, estará muito próximo do sucesso.

Boa sorte

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Sobre o Autor

Hugo Rocha é co-fundador da Ignição Digital e do Klickpages. Já atuou diretamente nos bastidores dos maiores lançamentos digitais do Brasil. Atualmente está a frente da equipe de tráfego e crescimento da Ignição Digital e Klickpages liderando pessoalmente mais de R$ 4 milhões de reais em investimento em tráfego nos últimos 12 meses com ROI acima de 300%.