Site responsivo: 10 motivos para oferecer uma boa experiência de verdade para seu público

Se você não sabe o que é site responsivo, as chances são que você faz parte dos 80% das empresas que pensam que estão oferecendo uma boa experiência para o seu cliente, mas, na verdade, não estão.

Pra você entender o que eu estou falando, uma pesquisa feita com algumas empresas mostrou que 80% delas acreditavam entregar uma experiência de excelência aos seus clientes e potenciais clientes.

O problema é que quando foram ouvir os consumidores, os pesquisadores descobriram que apenas 8% deles diziam ter tido uma boa experiência com essas empresas.

Essa diferença absurda de percepção mostra ou que as empresas não estão atentas às reais necessidades dos clientes ou realmente não se preocupam com o impacto negativo que isso pode causar.

Cá entre nós, uma experiência ruim pode fazer qualquer cliente buscar o que quer em outro lugar. Isso significa menos vendas e, claro, menos dinheiro entrando no caixa da empresa.

E onde o site responsivo fica nessa história? 

Eu não sei se você sabe, mas a experiência do consumidor envolve todos os pontos de contato de um cliente com algum elemento da empresa. Desde um anúncio até a compra do produto.

Dentro desse pacote está o seu site, que precisa ter um layout responsivo. 

Isso porque a frustração de acessar um site que não funciona corretamente no celular ou tablet pode ser decisiva para o cliente ir embora e não voltar mais. 

No Brasil, o celular já é a principal forma de acesso à internet

Isso quer dizer as marcas que não se preocuparem em oferecer boas experiências de navegação em seus sites vão perder a atenção dos clientes… O que significa perder a preferência do seu público pra concorrência.

E eu tenho certeza você não quer isso para sua empresa. 

Por isso, segue aqui comigo porque nesse artigo eu falo:

  • O que é um site responsivo 

  • As diferenças entre um site responsivo e uma versão mobile.

  • E ainda destaco 10 motivos para você ter um site responsivo agora mesmo.

Vamos lá?

O que é um site responsivo

Sites responsivos são aqueles criados para serem adaptados a qualquer tipo de tela, sem distorções ou cortes.

Ou seja, eles funcionam bem em computadores, tablets, celulares. O layout se ajusta perfeitamente a qualquer resolução, passando a mesma experiência de leitura ao usuário.

Isso porque o design responsivo identifica qual é a largura de cada dispositivo e, dessa forma, consegue determinar o quanto de espaço está disponível e como a página será mostrada.

Dessa forma, você não precisa criar um layout do seu site para cada dispositivo. O responsivo vale para todos. 

Mas existe uma pequena confusão entre site responsivo e versão mobile. Há quem pense que é mesma coisa. Só que não é bem assim…

Diferenças entre um site responsivo e uma versão mobile

Como expliquei ali em cima, responsivo é todo site criado para ser adaptado para qualquer tipo de tela.

A versão mobile (móvel, em português) é um pouco diferente. Ela é projetada para ser aberta em determinados tipos de dispositivos, como celulares e tablets.  

Logo, se você abrir no computador um site feito para mobile, provavelmente o layout ficará todo desconfigurado (pra não dizer tosco).

Então, para oferecer uma boa experiência ao usuário, é necessário aplicar os mesmos recursos nas versões para computador e mobile. Neste caso, serão desenvolvidos dois designs e duas programações diferentes para o mesmo site.

Em muitos casos o site mobile fica em um domínio à parte. Quando o site é acessado, a programação interna dele verifica se ele está sendo acessado através de um celular ou tablet e o redireciona para o domínio do site mobile. 

Da mesma forma, a programação identifica se a pessoa está acessando de um computador e a encaminha para o domínio do site na versão desktop.

A vantagem de um layout mobile é que, por ter menos códigos e conteúdos a serem adaptados, a navegação é mais rápida do que sites responsivos.

Mas analisa aqui comigo: a versão mobile é pensada para os dispositivos móveis. Na hora de criar esse site, o programador sabe que ele será aberto em celulares e tablets. 

Com isso, o site tem que ser mais leve, conter menos imagens, menos dados, menos códigos…

Já o site responsivo, apesar de ser “mais pesado” em alguns casos (isso depende muito de como ele foi programado), pode ser aberto em qualquer dispositivo ou tela. 

Além disso, você não precisa se preocupar em criar mais versões do seu site ou ter um domínio e um subdomínio.

E essas são apenas duas razões para ter um site responsivo. Segue aqui comigo porque eu tenho mais…

10 motivos para você ter um site responsivo

Agora que você já sabe o que é um site responsivo e a diferença dele para uma versão mobile, vou destacar aqui 10 motivos para você começar a usar esse recurso agora mesmo no seu site.

1- Experiência do usuário

Um site responsivo fortalece a experiência do usuário, já que torna a sua marca acessível em qualquer lugar.

Isso quer dizer que o usuário consegue ter acesso a todas as informações abrindo o seu site do computador, do celular ou do tablet.

É frustrante para o seu público acessar uma página na qual ele tem dificuldades em navegar ou que não oferece as mesmas funcionalidades que a versão para desktop.

2 – Melhor posicionamento nos mecanismos de busca

Os maiores buscadores como Google, Yahoo e Bing, recomendam os sites responsivos, pois o algoritmo compreende melhor o layout que se adapta aos diversos formatos. 

Assim, o posicionamento na busca sobe.

Em 2015, o Google lançou uma atualização, apelidada de Mobilegeddon (Mobile + Armageddon), e passou a favorecer os sites que são responsivos ou que possuem uma versão mobile.

E como já dissemos algumas vezes aqui no blog, não aparecer na primeira página do Google pode ser péssimo para o seu negócio, já que 75% das pessoas não passam para a segunda página quando estão em busca de alguma coisa no Google.

3 – Aumentar a velocidade da página

O Google PageSpeed Developers recomenda que o carregamento completo de uma página seja de 2 segundos. 

Para conseguir isso, a melhor opção é ter um site responsivo, já que ele carrega as informações com maior rapidez do que aquele que não é. 

Isso porque o sistema entende em qual dispositivo está sendo aberto e se adapta a ele.

Então, se você acessa um site que tem uma imagem de 1200 pixels no computador, ao abrir essa mesma imagem no celular ela terá uma resolução bem mais baixa.

Ou seja, o sistema entende que é um celular e diminui a resolução de imagens, fontes… O que deixa o carregamento mais rápido.

Agora, imagina se esse site não é responsivo. Essa imagem de 1200 pixels continuará com a mesma resolução no celular ou no tablet. 

A velocidade de carregamento, além de ser um fator de rankeamento para o Google, também prejudica o usuário. 

Como eu falei ali em cima, caso o site demore a carregar, há uma alta probabilidade de que o usuário feche a janela e procure o que precisa em outro lugar.

4 – Acessível em todos os navegadores

Um site responsivo usa as novas regras e propriedades CSS3 (mecanismo para adicionar estilos, como fontes, cores, espaçamentos dos documentos que estão na internet), compreendidas e aceitas por todos os navegadores.

Isso significa que o site responsivo pode ser acessado por qualquer navegador (Chrome, Firefox, Edge, Safari) sem perder suas características.

5 – Fácil de gerenciar

Com um site responsivo você não precisa criar várias versões de um site para diferentes dispositivos.

Sendo assim, você só precisa se preocupar em  administrar e atualizar um site.

Isso facilita na hora de montar estratégias para o seu negócio e, claro, deixa o seu trabalho mais eficiente.

6 – Seu site vai se adaptar a dispositivos lançados futuramente

Eu não sei se você lembra, mas um tempo atrás a moda era celular pequeno. Se cabia no bolso, era perfeito.

Agora, as telas dos celulares estão cada vez maiores. 

Até os tablets já têm vários tamanhos diferentes. A mesma coisa com os computadores de mesa.

Com um site responsivo você não precisa se preocupar com nada disso. A indústria pode criar novos dispositivos com telas grandes ou pequenas, o site responsivo vai se adaptar. 

Ou seja, menos uma preocupação pra você!

7 – Aumento das vendas

Um grande problema dos sites antigos é que muitos deles não abrem no celular, já que não foram desenvolvidos com essa tecnologia para serem acessados em qualquer aparelho – móvel ou não.

E eu te mostrei ali em cima que no Brasil o celular já é o principal meio de acesso à internet.

O celular tem sido usado para tudo. Seja para enviar mensagens, atualizar redes sociais, acessar sites ou fazer compras!

Sim, as pessoas compram pelo celular. E se o seu site não abre em dispositivos móveis, as chances são que você já perdeu várias vendas.

Com um site fácil de usar, rápido e com as informações principais de fácil acesso, naturalmente as vendas e os contatos gerados pelo seu site irão aumentar.

8 – Aumentar a taxa de conversão de leads

Assim como há aumento de vendas, como eu mostrei no tópico anterior, existe também a possibilidade de aumentar a conversão e gerar leads por meio de dispositivos móveis.

Se você utiliza as redes sociais para promover seu conteúdo e vender seu produto, por exemplo, é muito importante que as suas landing pages sejam responsivas. 

Isso porque é grande a chance do seu potencial cliente abrir o link da sua página pelo celular, já que 61% dos usuários no Brasil acessam redes sociais por dispositivos móveis.

Caso você não saiba, landing pages são páginas de conversão que direcionam seu tráfego quando você quer que o público tome uma ação.

Essa “ação” pode ser baixar um e-book, assinar uma newsletter, se inscrever para um curso… São infinitas possibilidades. 

Na landing page, as pessoas terão que deixar um contato – eu sugiro que seja um e-mail. A partir daí, você nutrir e educar essa lead (com muito conteúdo de qualidade!) para criar uma relação de confiança e, assim, aumentar a chance de torná-la cliente.

Se você vai precisa de uma boa landing page de alta conversão e responsiva, o Klickpages é o seu melhor aliado.

Com ele, você cria a sua landing page personalizada em apenas três passos:

  • Escolha seu modelo: veja opções de alta conversão comprovada através de testes.

  • Customize a página: edite os textos, as cores e as imagens, além de ocultar elementos que pouco agregam.

  • Publique: por fim, é só publicar no seu próprio domínio, sem custos adicionais de hospedagem.

 9 – Mais compartilhamentos nas mídias sociais

As pessoas passam muito tempo nas redes sociais, principalmente pelo celular. Ali em cima eu te falei que no Brasil mais de 60% das pessoas acessam mídias sociais pelo celular. 

Logo, as chances das suas páginas serem compartilhadas em redes sociais (Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn) por esses usuários são muito maiores se eles tiverem uma experiência agradável de navegação.

Por isso é importante que o seu site seja responsivo. As pessoas não vão querer compartilhar uma página que ofereça uma experiência ruim ao usuário.

10 – Diminuição da taxa de rejeição

Ter um site responsivo reduz a quantidade de usuários que entram em seu site e saem sem interação alguma.

Esse item está ligado à experiência do usuário, uma vez que, se ele não for bem recebido ao entrar na página, as chances de ele fechar e desistir – ou partir para outra pesquisa – são grandes.

É importante tomar cuidado com essa taxa de rejeição, uma vez que, se ela estiver muito alta, pode ser interpretada pelo Google como sinal de que o conteúdo não é relevante. 

E quando isso acontece, as chances de sua página perder posições é grande.

Como saber se um site é responsivo ou não

Você sabia que dá para saber se um site é um responsivo ou não fazendo um teste simples pelo computador mesmo?

Vou mostrar uma funcionalidade em que é possível saber como um site responde a diferentes tipos de telas – seja celular, tablet ou computador.

Olha só o passo a passo:

Passo 1

Acesse o site que você quer testar. No meu caso, escolhi o blog do Klickpages.

Passo 2

Clique com botão direito do mouse e selecione a opção inspecionar (é a última).

Passo 3

Nesta imagem com vários códigos ali do lado, você vai clicar no ícone que parece um celular e um tablet. O nome desse ícone é toggle device toolbar. Sinalizei na imagem.

Passo 4

Na página seguinte, você verá as opções de dispositivos que você pode testar, bem como o tamanho da tela, como na imagem abaixo.

Você pode selecionar o aparelho que quiser e ver como o site fica nesse tipo de tela. 

No vídeo, eu mostro a opção editar. Ao clicar nela, à direita aparecem outras opções de computadores, celulares e tablets para que você possa testar. 

Para ver melhor o vídeo, clique no botaão ao lado do volume para assistir com a tela inteira.

Viu como é simples testar se o seu site é responsivo?

Conclusão

Neste artigo, eu te mostrei que se você não sabe o que é site responsivo, as chances são que você não está oferecendo uma boa experiência ao seu usuário.

Você viu ainda que um site responsivo não é a mesma coisa que versão mobile, aquela feita exclusivamente para dispositivos móveis.

Eu trouxe também 10 motivos para você ter um site responsivo. 

Entre eles, chances de ter um bom posicionamento nos sites de buscas, como o Google, possibilidade de oferecer uma experiência positiva ao usuário que acessa o seu site e maior probabilidade de conseguir leads e gerar vendas.

O seu site é responsivo? Ele se adapta a qualquer tamanho de tela? Me conta aqui nos comentários.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Sobre o Autor

Juliana Amorim

Jornalista de formação e redatora de coração. Apaixonada por livros, revistas e jornais, meu único caminho era escrever. Já trabalhei como repórter, editora e apresentadora (de rádio, gente, não de TV) e, agora, faço parte do time de conteúdo do Klickpages. Adoro aprender e escrever sobre o universo do Marketing Digital e do Empreendedorismo. Tenho dois gatos lindos, adoro projetos de “do it yourself” e sou daquelas que viram a noite maratonando séries. Não dispenso uma boa conversa e simplesmente consigo transformar qualquer acontecimento bobo do meu dia em uma grande história.

Se você quiser ler outros conteúdos meus é só clicar aqui ;)