O que é Google AdSense e por que você deveria ser grato por essa ferramenta existir

O que é o Google AdSense, como funciona e como usar

Se você não sabe o que é o AdSense, eu vou te adiantar uma coisa: você deveria ser grato por essa ferramenta existir.

Se você investe em tráfego pago, sobe anúncios no YouTube, na rede de display… Deixa eu te falar uma coisa: cara, é graças a essa ferramenta que você pode fazer tudo isso.

Sem ela, o máximo que você conseguiria era colocar anúncios nas redes sociais e na rede de pesquisa do Google (que são aqueles que aparecem no resultado da busca), fazer anúncios nativos e olhe lá.

E não que isso seja algo ruim, eu consigo muitas leads pelo Facebook e pelo Instagram, mas muitas delas também vêm pelo YouTube.

Inclusive, ano passado, em diversas campanhas, foi através de anúncios no YouTube que eu consegui o maior número de leads.

Agora, se você não investe em tráfego pago, mas produz conteúdo, tem um site, um blog ou um canal no YouTube, você também deveria ser grato pelo AdSense existir porque você pode ganhar dinheiro com essa ferramenta.

Tem gente que chega a ganhar milhares de reais com o AdSense, isso sem ter que fazer mais nada além de produzir conteúdo, algo que provavelmente a pessoa já fazia antes.

De alguma forma ou de outra, eu acredito que você pode ser beneficiado por essa ferramenta. E é por isso que eu decidi te contar sobre ela.

Nas próximas linhas, você vai ver:

  • o que é o AdSense;

  • como ele funciona;

  • as 5 vantagens de você usá-lo;

  • como se inscrever no adsense;

  • e 4 dicas para você aproveitá-lo melhor.

Vem comigo?

O que é o Google AdSense?

O que é o Google AdSense?

O AdSense é uma ferramenta do Google para produtores de conteúdo digital ganharem dinheiro exibindo anúncios junto com os seus conteúdos.

Funciona mais ou menos como se você tivesse um terreno e alugasse um espaço dele para colocarem um outdoor.

O seu blog, site e até mesmo canal do YouTube é esse terreno que você pode alugar um pedaço para o Google exibir anúncios criados através da ferramenta Google Ads.

E o melhor é que você não precisa se preocupar em negociar com os anunciantes, pois a própria ferramenta cuida de toda essa relação. Você só precisa ceder o espaço e deixar que o Google cuide do resto.

Como funciona o Google AdSense?

Como funciona o Google AdSense?

Você já sabe o que é o Google AdSense e que dá para ganhar dinheiro com ele.

Mas como é que tudo isso funciona na prática?

De forma resumida é bem assim:

  1. Depois que você já estiver inscrito na ferramenta, você disponibiliza o espaço no seu blog, site ou canal do YouTube para anúncios;

  2. O Google dá uma olhada na ferramenta Ads e seleciona os anúncios que têm a ver com o seu nicho, os que têm mais chances de ser relevante para o seu público. A partir daí, a ferramenta escolhe para serem exibidos juntos com o seu conteúdo aqueles que deram o melhor lance pelo espaço, de acordo com os critérios do Google;

  3. Os anúncios são exibidos e depois você recebe o pagamento.

Simples assim.

É como contratar uma imobiliária para cuidar de um imóvel alugado. Você pode definir algumas regras, como o tipo de inquilino que você quer, e a imobiliária cuida de todo o processo por você.

Como eu vou te mostrar mais para frente, você também pode definir algumas regras para os tipos de anúncios que serão exibidos no seu site, blog ou canal do YouTube e o AdSense cuida do resto.

Agora uma pergunta que você está provavelmente curioso para saber…

Como e quanto você ganha com o AdSense?

A forma e o quanto você vai ganhar pelos anúncios que são exibidos no seu site ou canal do YouTube vão depender do tipo de lance escolhido pelo anunciante.

Atualmente existem 4 opções:

  • CPC ou Custo por clique: você recebe uma parcela do valor pago pelo anunciante quando alguém clica em um anúncio exibido na sua página;

  • CPM ou Custo por mil impressões: você recebe quando o anúncio é exibido mil vezes na sua página;

  • CPM do Active View: essa é uma variação do CPM, na qual você só recebe quando pelo menos 50% do anúncio é exibido na tela por pelo menos um segundo;

  • CPE ou Custo por engajamento: alguns anúncios são interativos (vou te explicar em detalhes os tipos de anúncio mais para frente), nestes casos, o anunciante pode escolher pagar apenas quando um usuário interagir proativamente com o anúncio. Por exemplo, não contaria como uma interação se o visitante passasse rapidamente o cursor pelo anúncio enquanto estivesse rolando a página.

Não existe um valor fixo de quanto o anunciante vai pagar por anúncio de acordo com o tipo de lance escolhido. Na verdade, é o próprio anunciante que decide qual o valor máximo que está disposto a investir.

O Google trabalha em cima do valor máximo por lance e do Índice de qualidade do anúncio para definir o valor que será pago pelo anunciante e o quanto você irá receber disso.

Durante o mês, o AdSense soma os valores que você deve receber e, ao final, se você tiver alcançado o valor mínimo de 100 dólares, é iniciado o processamento do pagamento que demora cerca de 21 dias.

Ou seja, se no mês de Janeiro você conseguiu pelo menos 100 dólares, entre o dia 21 e 26 de Fevereiro o pagamento será realizado.

Se você não alcançar o mínimo, não precisa ficar preocupado, porque o valor fica acumulado para o mês seguinte até que você consiga alcançar os 100 dólares.

O pagamento é feito em dólar por meio de transferência bancária internacional e a conversão para real é feita de acordo com a cotação do dia.

Além disso, é importante você ficar atento às configurações de pagamento para evitar que aconteça alguma retenção.

Em caso de dúvidas sobre esse assunto, é só consultar a página de Perguntas frequentes sobre pagamentos do AdSense.

Como o Google seleciona os anúncios que vão aparecer no seu site?

Outra dúvida muito comum sobre como o AdSense funciona é como o Google decide quais são os anúncios que aparecerão na sua página.

A primeira coisa que é levada em consideração é selecionar os anúncios que são relevantes para a sua persona de acordo com as informações que você preencheu durante a inscrição.

Isso quer dizer que o Google vai escolher anúncios que têm a ver com o seu conteúdo e são relevantes para o seu público.

Assim, aumentam as chances de os anúncios serem bem sucedidos, de as pessoas clicarem e interagirem, e também de a sua receita ser maior.

Dentre os anúncios que são relevantes para o seu público, o Google utiliza o sistema de lance para escolher os anúncios com maior desempenho e esses serão veiculados na sua página.

E por último…

Como funciona o AdSense no YouTube?

Se você me viu falando ao longo desse artigo que é possível “alugar” espaço para o AdSense no seu canal do YouTube e ficou na dúvida de como isso acontece, chegou a hora de clarear isso para você.

Se o seu canal preencher os requisitos que eu vou explicar mais adiante, você pode participar do Programa de Parcerias do YouTube e monetizá-lo.

Isso permite que o YouTube coloque anúncios sobrepostos na parte inferior dos seus vídeos, cartões patrocinados e anúncios em vídeo que podem ser inseridos antes, durante ou depois do seu conteúdo.

O Programa de Parcerias do YouTube é conectado ao AdSense. Dessa forma, os pagamentos pelos anúncios exibidos no seu canal são feitos pelo AdSense.

Agora que você já sabe como essa ferramenta do Google funciona, eu vou te mostrar as vantagens de se inscrever nela.

5 vantagens de usar o Google AdSense

5 vantagens de usar o Google AdSense

Se você está considerando monetizar sua página na internet e está em dúvida sobre qual ferramenta usar para isso, existem 5 vantagens principais de usar o AdSense.

Se essa ideia de “alugar” espaço para anúncio nunca passou pela sua cabeça antes, os benefícios que eu vou te mostrar aqui podem te despertar para essa ideia.

Então, continua comigo!

1. Você pode gerar receita

Eu sei que eu já te falei isso antes, mas eu não poderia deixar de listar esse benefício aqui, porque ele é um dos principais motivos pelos quais as pessoas se inscrevem no AdSense.

Se produzir conteúdo de qualidade já faz parte da sua rotina, abrir espaço no seu site, blog ou canal para anúncios é uma forma de aumentar a sua receita sem ter que trabalhar a mais para isso.

Ou seja, com o AdSense você pode aproveitar algo que você já faz ou pode começar a fazer agora mesmo para ganhar mais dinheiro.

2. Muitas opções de anunciantes

O Google Ads é uma das principais plataformas de anúncios online da atualidade e conta com um grande número de anunciantes.

Isso significa que a demanda por espaços para exibir esses anúncios também é alta.

O que é algo muito bom para quem está considerando ou já exibe publicidade nas suas páginas, pois as chances são que esse espaço não vai ficar desocupado.

3. Relação com o assunto do seu blog ou canal

Um dos fatores que pode fazer com que um anúncio não seja bem sucedido é ele não ter relação nenhuma com o contexto da página onde ele aparece ou com o histórico do usuário.

Anúncios desse tipo podem até prejudicar a impressão que o visitante tem da página que ele está acessando, além de gerarem poucos cliques.

Esse é um dos motivos pelos quais o Google se preocupa tanto em desenvolver seu algoritmo para escolher anúncios que combinem com a página de veiculação.

Assim, a experiência do usuário é melhor e os anúncios têm mais chances de serem bem-sucedidos.

4. Variedades de formatos

Seguindo ainda na linha de criar uma boa experiência para o usuário, você pode escolher o formato de anúncio que combine melhor com o seu conteúdo e layout do seu site ou blog.

Assim, não corre o risco de a sua página ficar poluída de anúncios que vão distrair o público do seu conteúdo.

5. Você pode escolher os anúncios que não serão exibidos no seu site

Viu algum anúncio que você não gostou? O conteúdo dele não está alinhado com o seu? Você pode impedir que ele seja veiculado na sua página.

Dessa forma, você tem controle se que todos os anúncios que aparecem para o seu público estão alinhados com a sua visão.

Como se inscrever no Google AdSense

Como se inscrever no Google AdSense

Se você chegou até aqui certo de que o AdSense é uma boa opção, você deve estar curioso para saber como fazer parte desse programa.

O passo a passo é bem simples, mas antes de te mostrá-lo, eu preciso responder duas perguntas que são muito comuns para quem está pensando em se cadastrar.

O que você precisa para se cadastrar?

Você precisa ter pelo menos 18 anos, conteúdo original e interessante que atenda as políticas da ferramenta, por exemplo, não pode incitar a violência ou preconceito e nem ter conteúdo sexual explícito.

E, claro, não pode faltar visitantes. Pois sem um público que já te acompanha, os anúncios não vão gerar renda para você.

Quanto que você precisa pagar para se cadastrar?

Nada. O AdSense é totalmente gratuito.

Passo a passo para se inscrever no Google AdSense

Pronto. Agora eu vou te mostrar como você deve fazer para se inscrever no AdSense.

#1 Acesse a ferramenta

Para começar, entre no site do AdSense e clique no botão verde Inscrever-se agora.

#2 Preencha os seus dados

A plataforma vai pedir o endereço do seu site, seu endereço de email e perguntar se você quer receber informações sobre o AdSense no seu email.

Preencha todas as informações e clique em Salvar e continuar.

Preencha os seus dados

#3 Faça login no Google

Se você já estiver com uma conta Google conectada, a ferramenta automaticamente já vai para a próxima etapa da inscrição.

Caso o contrário, você precisa fazer login.

#4 Selecione seu país ou território e aceite os Termos e Condições

Na segunda parte da inscrição, você vai conferir se os dados que você colocou estão corretos, selecionar seu país e aceitar os Termos e Condições.

Depois que tudo estiver preenchido é só clicar em Criar conta.

#5 Preencha as informações de pagamento

Assim que você completar o passo anterior, você será redirecionado para a sua conta na ferramenta, onde deve preencher as informações de pagamento.

#6 Aguarde o AdSense revisar o seu site

Depois que tudo isso for feito, a ferramenta vai verificar se o seu site ou blog está em conformidade com as políticas do programa.

Esse processo demora cerca de um dia e, assim que estiver tudo certo, você vai receber um email sobre o seu status de ativação.

Agora que essas informações estão claras, vou te mostrar como vincular o Programa de Parcerias do Youtube ao AdSense.  

Passo a passo para vincular o Programa de Parcerias do YouTube ao AdSense

Se você tem mais de mil inscritos no seu canal do YouTube e mais de 4 mil horas de exibição pública nos últimos 12 meses, você pode ser qualificado para participar do Programa de Parcerias do YouTube.

Os passos para se inscrever são os seguintes:

#1 Ative a monetização

A primeira coisa é verificar se o seu canal está ativado para monetização.

Com a sua conta do YouTube logada, entre no Estúdio de criação, depois clique em Outros recursos e Status e recursos.

Se você tiver qualificado na opção Geração de receita, clique em Ativar.

Ative a monetização

#2 Aceite os Termos do Programa de Parcerias do YouTube

Depois que você tiver ativado o recurso de Geração de receita, você será redirecionado para uma página de inscrição.

Aceite os Termos do Programa de Parcerias do YouTube

Clique em Iniciar para ler e concordar com os termos do Programa de Parcerias do YouTube.

#3 Vincule a sua conta do AdSense

Se você já tiver criado uma conta do AdSense para monetizar o seu site, é só vinculá-la. Clique no botão Iniciar e siga as instruções para se conectar ao AdSense.

Ou então você pode criar sua conta se ainda não tiver uma. Para fazer isso, clique em Iniciar e você será direcionado para a página de criação de conta no AdSense.

O processo é o mesmo de criar uma conta para monetizar um site que eu expliquei no tópico anterior. A única diferença é que o endereço do seu site será o link do seu canal.

#4 Defina as preferências de geração de receita

Escolha quais são os tipos de anúncio que serão exibidos no seu canal clicando em Iniciar e depois selecionando os formatos de anúncio.

Defina as preferências de geração de receita

#5 Aguarde o processo de revisão

Depois que todas as etapas forem concluídas, seu canal passará por uma análise para verificar se ele segue os termos do Programa de Parcerias do Youtube e se ele está de acordo com as diretrizes.

Como os anúncios serão exibidos no seu site?

Como os anúncios serão exibidos no seu site?

Agora que você já sabe como se inscrever no AdSense, você provavelmente está se perguntando… “tá, mas como os anúncios serão exibidos no meu site se durante a inscrição não tem nada sobre isso?”.

Se essa era a sua dúvida, pode ficar tranquilo. Você vai definir a quantidade de anúncios, os tipos e onde eles ficarão posicionados depois que a sua conta for ativada.

Quando isso acontecer, é só você acessar o AdSense, clicar em Anúncios, depois em Bloco de anúncios e +Novo bloco de anúncios.

Nesse menu você vai poder selecionar os tipos de anúncio que você quer incluir no seu site (assunto do nosso próximo tópico), o tamanho e pré-visualizar para ter uma ideia de como vai ficar quando estiver tudo pronto.

Depois que o seu bloco de anúncios estiver configurado é só clicar em Salvar e obter código.

Você deve copiar e colar esse código HTML nas páginas em que você deseja exibir os anúncios.

Se você não sabe como fazer isso pode contar com o Guia de implementação de código do Google ou pedir para o desenvolvedor do seu site fazer isso por você.

Quantos anúncios podem ser exibidos por página?

Não existe um limite na quantidade de anúncios que podem ser exibidos por página.

Porém, uma das diretrizes do AdSense é que a página deve ter mais conteúdo do que anúncio.

Ou seja, a área do conteúdo deve ter mais destaque e ser maior do que os blocos de anúncio, caso o contrário o Google pode limitar e até mesmo desativar a monetização da página.

Como posicionar seus anúncios?

Durante a criação do bloco de anúncios, você pode definir os tipos, as dimensões e até mesmo a cor do texto utilizado para combinar com o seu site.

Mas é na hora de inserir o código na página que você vai decidir onde quer posicioná-lo.

Lembre-se de que o mais importante é o seu conteúdo, então os anúncios devem ficar em áreas da página que podem ser vistas pelos seus visitantes, mas que não atrapalhem a leitura.

Além disso, você não deve colocar anúncios em páginas de agradecimento, saída, login ou erro. Isso é contra as diretrizes da ferramenta e pode gerar penalidades se for feito.

Tipos de anúncios do AdSense

Tipos de anúncios do AdSense

Durante a criação do seu bloco de anúncios, você pode selecionar diferentes tipos de anúncio para compô-lo.

Mas, afinal, quantos e quais são eles?

Existem 4 tipos diferentes de anúncios que você pode escolher para colocar no seu site.

Abaixo eu te explico cada um deles para que você possa escolher aquele que se encaixa melhor com o layout e a estrutura da sua página.

Anúncio de Texto

Esse é o tipo de anúncio mais simples. É composto por um título, uma ou duas linhas de descrição e a url do anunciante.

Geralmente ele é conhecido como link patrocinado justamente porque tem essa indicação junto ao anúncio.

Anúncio Gráfico

São os banners que podem ser posicionados no topo, lateral ou rodapé da sua página.

Existem mais de 15 opções de formato disponíveis para esse tipo de anúncio que você pode escolher de acordo com o que se encaixa melhor com a sua página.

Rich Media

Rich media são banners interativos que incluem vídeos, HTML e Flash. Os usuários podem se engajar com esse tipo de anúncio clicando ou passando o mouse em cima dele.

Ele costuma chamar mais atenção que os outros, mas também pode prejudicar a experiência do usuário.

Bloco de links

É uma lista de links com tópicos relevantes relacionados ao conteúdo da página.

Bloco de links

No entanto, diferente dos outros tipos, quando você clica em um dos links você não é levado para o site do anunciante, e sim para uma página do Google com anúncios para aquele tópico.

Nesse caso, você não recebe quando um visitante clica em um dos links, mas sim em um dos anúncios vinculados aos tópicos do bloco de links.

Dicas para você aproveitar melhor o Google AdSense

Dicas para você aproveitar melhor o Google AdSense

Antes de finalizar esse artigo, eu queria te dar mais algumas dicas que podem te ajudar a alcançar resultados melhores com o AdSense.

São algumas coisas simples, mas que eu considero valiosas e por isso decidi dividir aqui com você.

Fique atento às políticas de participação

Para evitar qualquer problema com o AdSense que possa te impedir de se beneficiar com essa ferramenta, fique atento às políticas de participação.

Elas dão todas as diretrizes sobre os tipos de conteúdos que você não pode postar e até mesmo comportamentos que devem ser evitados para manter uma boa relação com a plataforma.

Escolha os formatos que combinam melhor com o seu site

Ao longo desse artigo, eu mencionei várias vezes a importância da experiência do usuário quando se trata de anúncios.

Isso porque ela é um fator que pode influenciar no sucesso ou fracasso deles e no quanto você vai receber no final das contas.

Por isso, a escolha dos tipos de anúncio e o formato deles para a sua página não deve ser feita de qualquer jeito.

Busque adequar os formatos para que eles combinem com a estrutura do seu site e criem uma experiência agradável para o seu público.

Realize testes A/B

Falando em escolher formato de anúncio… A melhor forma de você saber qual vai dar mais resultado é realizando testes A/B.

Essa é uma técnica usada para testar duas versões diferentes da mesma página e comparar qual tem o melhor desempenho.

Assim, você consegue ter um critério claro e mensurável para tomar a sua decisão de qual formato é o melhor para o seu site.

Use as técnicas de SEO

Para que a sua receita vinda do AdSense seja maior, você precisa ter mais visitantes no seu site ou canal, assim mais pessoas verão os anúncios e as chances de clicarem são mais altas.

Bem, existe uma forma de atrair mais visitantes para a sua página sem ter que pagar nada. Inclusive, se você acompanha o blog do KP já deve ter ouvido falar dela.

O SEO (Search Engine Optimization), de forma simplificada, é uma técnica para deixar o seu canal mais atrativo para o Google.

Com isso, quando alguém pesquisar sobre um assunto que você já falou no seu blog ou canal do YouTube, a chance de ele aparecer entre os primeiros resultados da busca é maior.

E isso aumenta a probabilidade de mais pessoas visitarem o seu conteúdo.

Se você quer saber mais sobre esse assunto, leia o artigo As 12 principais técnicas de SEO aqui do blog do KP.

O que vem depois do anúncio?

O que vem depois do anúncio?

Eu sei que esse artigo é mais voltado para quem quer abrir espaço para anúncios durante o seu conteúdo, mas se você é um anunciante e chegou até aqui, eu não queria que você saísse de mãos vazias.

Por isso eu decidi te dar uma dica certeira.

O que acontece depois que um visitante clica no seu anúncio?

O destino ideal é uma landing page caprichada e totalmente otimizada para a conversão que você deseja, seja ela capturar uma lead ou finalizar uma compra.

Não sabe como criar uma? O Klickpages pode ser o seu maior aliado.

Veja como é simples criar uma landing page:

  1. Escolha seu modelo: conheça opções de alta conversão comprovada por testes.

  2. Customize a página: edite textos, cores e imagens, além de ocultar elementos que pouco agregam.

  3. Publique: com tudo pronto, é só publicar no seu próprio domínio, sem custos adicionais de hospedagem.

Conclusão

O que é AdSense Conclusão

Independente se você é um anunciante ou se você está buscando monetizar seu site ou canal no YouTube, no final das contas você é um grande beneficiado pelo AdSense existir.

Por isso, eu te mostrei nesse artigo o que é essa ferramenta e como ela funciona. Ela é bem parecida com uma imobiliária que administra o aluguel de um espaço.

Além disso, eu te apresentei as 5 vantagens do AdSense e te expliquei o passo a passo para você se inscrever nele.

Você também viu como os anúncios são exibidos nas páginas e quais são os tipos que existem.

E eu fechei esse artigo com 4 dicas de ouro para você aproveitar melhor o AdSense.

Então, o que você achou dessa ferramenta? Você já sabia da importância dela para a sua estratégia de marketing? Está pensando em usá-la para monetizar seu site ou canal?

Me conta aqui nos comentários. 😉

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Sobre o Autor

Hugo Rocha

Hugo Rocha é co-fundador da Ignição Digital e do Klickpages. Já atuou diretamente nos bastidores dos maiores lançamentos digitais do Brasil. Atualmente está a frente da equipe de tráfego e crescimento da Ignição Digital e Klickpages liderando pessoalmente mais de R$ 4 milhões de reais em investimento em tráfego nos últimos 12 meses com ROI acima de 300%.

Se você quiser ler outros conteúdos meus é só clicar aqui ;)