Como vender infoprodutos: 7 ideias para alcançar até os clientes mais difíceis

Como vender infoprodutos 7 ideias para ter mais clientes

Para saber como vender infoprodutos, você precisa entender que a organização dos seus clientes é como a estrutura de um iceberg.

Eu não sei se você já sabia, mas apenas 10% de um iceberg fica para fora da água, os outros 90% ficam dentro do oceano.

Se você estiver em um barco, por exemplo, só vai conseguir ver uma pontinha dele, mas se decidir mergulhar fundo vai enxergar uma verdadeira montanha de gelo.

Agora, eu vou te explicar por que isso tem tudo a ver com o seu negócio e com os seus clientes.

É o seguinte: existem 3 tipos de clientes e, da mesma forma que um iceberg, eles são classificados de acordo com o nível de dificuldade que você tem para alcançá-los.

O primeiro tipo é o cliente altamente motivado, que sabe que precisa do seu produto e está buscando por isso. Ele é como se fosse a pontinha do iceberg.

Por esse mesmo motivo, a atenção desse grupo é muito disputada, o que aumenta consideravelmente a concorrência.  

O segundo grupo de clientes é o dos pouco motivados. Eles até sabem que precisam do seu produto, mas não estão procurando.

Já esse grupo representa o meio do iceberg e é 20 vezes maior que o anterior.

O terceiro e último tipo é o do cliente não motivado. Ele não sabe que precisa do seu produto e, claro, não está procurando por ele.

Essa é a base do iceberg. Aqui o número de pessoas é 50 vezes maior que no primeiro grupo.

Ou seja, o segundo e o terceiro grupo de clientes oferecem muito mais oportunidades e têm bem menos concorrência. Uma verdadeira mina de ouro.

E, olha só: chegar até eles pode até parecer complicado, mas na verdade não é.

Basta acertar nas estratégias, da mesma forma que para conhecer a base do iceberg você precisa de um equipamento de mergulho, por exemplo.

Mas não se preocupe, pra te ajudar eu separei 7 ideias eficientes que vão facilitar o seu caminho para alcançar cada um desses 3 tipos de clientes.

Por isso, fica comigo até o final, que nesse artigo eu vou te mostrar:

  • O que é infoproduto;

  • Se vale a pena vendê-los;

  • Coisas que você deve saber antes de lançar um infoproduto;

  • 7 maneiras para vender infoprodutos.

Vamos começar?

O que é infoproduto?

 O que é infoproduto     

Infoproduto é um produto digital que pode ser distribuído de graça ou vendido. Esse tipo de item pode ser baixado pelo usuário ou consultado online.

Se você entra na internet, as chances são que você já se deparou com algum desses conteúdos pelo menos uma vez.

Eu estou falando de cursos, seminários, e-books, whitepapers, aulas e por aí vai. Se você quiser mais exemplos, dá uma olhada no artigo tipos de infoprodutos.  

Eles podem ser produzidos em diversos formatos, como áudio, vídeo, texto ou imagem.

A grande sacada é que além da função de venda, eles podem ser usados de outras maneiras.

Por exemplo, disponibilizar um e-book grátis sobre finanças pessoais pode atrair leads e potenciais clientes para o seu negócio.

Depois, já com o contato dessas pessoas você pode oferecer um curso pago e mais aprofundado sobre o assunto, por que quem baixou o e-book provavelmente está interessado nesse assunto.

Tão importante quanto saber o que é um infoproduto é saber se vale a pena investir nesse mercado. Por isso, vamos falar sobre isso a seguir.  

Vale a pena vender infoprodutos?

Vale a pena vender infoprodutos

Eu não sei se você já pensou quanto custa ter um negócio físico, mas a verdade é que esse valor pode ser alto.

Existem os custos de produção, armazenamento e distribuição, que podem aumentar de repente e acabar diminuindo a sua margem de lucro.

A minha intenção não é te desanimar. Até porque tem muita gente ganhando dinheiro desse jeito.

O que eu quero é te mostrar as vantagens que um infoproduto pode trazer para o seu negócio e talvez você ainda não tenha percebido. Olha só:

Vantagens

  • Escalabilidade – Isso quer dizer que depois de criar um infoproduto, como um audiobook ou um software, por exemplo, você vai poder aumentar as suas vendas infinitamente, sem se preocupar com produção, armazenamento e distribuição.

  • Baixo custo – Depois do que eu te falei aqui em cima, você já deve ter percebido que o infoproduto pode ter um custo de produção bem menor que um produto físico. Isso significa que vai sobrar mais dinheiro no seu bolso.

  • Vendas 24 horas – Na internet não existe horário comercial, fim de semana e nem feriado. Assim, o seu produto é vendido, inclusive, enquanto você está dormindo.

  • Minimiza riscos – Sem a necessidade de comprar matéria prima, encontrar lugar para guardar os produtos ou se preocupar com o envio, você diminui muito as chances de alguma dessas etapas não sair do jeito que você queria.  

Pois é. Essas são apenas algumas vantagens. Mas o blog do KP já se aprofundou nesse assunto,  no artigo como divulgar seu infoproduto.

Agora, a outra questão:

Existe mercado?

Para responder a essa pergunta, eu vou te apresentar alguns dados.

Em 2016, o número de brasileiros que comprou na internet superou o de compradores de lojas físicas.

Apenas 3,4% dos consumidores nunca adquiriu um produto em sites. Além disso, 38,2% compram online, contra 30,9% que afirmam preferirem ir até lojas físicas.

Ok, mas o que isso quer dizer, na prática?

Quer dizer que existe muita gente disposta a comprar na internet e você tem a chance de alcançar essas pessoas, independente de onde elas estejam.

O que você precisa saber antes de vender infoprodutos

O que você precisa saber antes de vender infoprodutos

Antes de colocar o seu produto no mercado, eu vou te falar sobre alguns aspectos que você precisa considerar.

Pra começar, eu recomendo descobrir o que você sabe e gosta de fazer. Depois, pesquise quais são as necessidades do público em relação ao que você quer desenvolver.

Com base nessas informações, você pode escolher o formato que melhor se encaixe ao que você quer vender.

Então, reflita:

Ao desenvolver um infoproduto que integre esses elementos, você aumenta as chances de sucesso do seu negócio.

Uma dica prática é fazer uma lista com as cinco maiores dores, ou problemas, da sua audiência.

Se o seu infoproduto oferecer uma solução para alguma delas, você já sairá na frente da concorrência.

Agora, se ele resolver todos (ou quase todos) os problemas dessas pessoas, a probabilidade de sucesso é muito maior.

Depois que você criar o seu infoproduto vem a melhor parte. A hora de começar a divulgar e realizar as vendas.

Por isso, no próximo tópico eu vou te mostrar 7 ideias para te ajudar a vender e colocar dinheiro no bolso.

Como vender infoprodutos: 7 ideias para ganhar dinheiro

Como vender infoprodutos: 7 ideias para ganhar dinheiro

Agora que você já sabe o que é um infoproduto e que vantagens ele oferece, chegou a hora de colocar a mão na massa!

Para te ajudar com essa parte, eu separei 7 ideias para alcançar os diferentes tipos de clientes, que nem eu te falei no começo deste artigo.  

Lançamento

Eu não sei se você já ouviu falar no curso Fórmula de Lançamento, mas essa é uma ótima dica tanto para quem já tem um infoproduto, quanto para quem ainda não decidiu o que vender.

Lançamento

A metodologia te ensina a construir a sua audiência e manter um relacionamento sólido com ela por meio da geração de valor.

Na prática, a Fórmula de Lançamento te mostra o passo a passo para vender R$ 100 mil reais (6 dígitos) em 7 dias, conhecido como um “6 em 7”.

Com ela, você aprende as técnicas mais eficientes para lançar e vender infoprodutos na internet.

A grande sacada desse curso é que ele te mostra um passo a passo que pode ser repetido quantas vezes você quiser.

Outra vantagem é que você pode fazer o curso primeiro e, só depois, pensar no melhor infoproduto para a sua realidade.  

E-commerce

E-commerce

Como existe muita confusão a respeito desse termo, eu vou te explicar o que ele significa.

E-commerce é uma plataforma virtual que reúne produtos em um só lugar, além disso, todo o processo da compra e pagamento precisa ser realizado dentro desse espaço.

Você também pode chamar o seu e-commerce de loja virtual. Na prática, esse é o espaço onde os seus infoprodutos vão  ficar “expostos”.

Existem várias opções para fazer a hospedagem. Você pode escolher a que for melhor para a sua realidade.

Marketing de afiliados

Marketing de afiliados

Um afiliado é alguém que vende um determinado produto e recebe uma comissão por isso.

Você pode considerar essa forma de venda com dois pontos de vista diferentes. Se você decidiu que não quer criar um infoproduto, trabalhar como afiliado pode te dar uma renda extra.

Agora, se você quer realmente ser um infoprodutor, você pode ter afiliados e aumentar ainda mais o seu lucro.

O melhor dessa modalidade é que ela beneficia todo mundo. Um verdadeiro ganha-ganha.

Email marketing

Email marketing

Tem gente que ainda se pergunta se o email marketing funciona. Pra te responder de forma bem direta, eu preciso te dizer que a resposta é sim.

Isso porque conseguir o email da sua audiência é um passo importante para estabelecer um relacionamento direto e duradouro com ela.

Essa ferramenta é crucial para converter leads em clientes e é a forma de contato que você realmente controla.

Talvez, você até consiga fazer as suas listas e envios de email à mão, mas eu preciso ser sincera com você: esse processo pode tomar muito do seu tempo e energia.

Por isso, eu recomendo que você utilize uma ferramenta focada em conversão como o  Klicksend.

Com essa ferramenta você consegue capturar leads, aumentar vendas ou lançar, já que o Ksend foi desenvolvido exatamente com essa finalidade.

Anúncios pagos

Anúncios pagos

Para impulsionar ainda mais a venda dos seus infoprodutos, você pode optar por fazer anúncios pagos em redes sociais como o Facebook e Instagram.

O Facebook é a maior rede social do mundo e embora você possa melhorar o seu engajamento sem colocar a mão no bolso, investir em anúncios pode te trazer um resultado mais efetivo em menos tempo.  

No Instagram, o funcionamento é bem parecido. Você pode fazer posts patrocinados em formato de vídeo, fotos e carrossel.

Outra boa opção é aprender como anunciar no Google, já que essa plataforma funciona mais ou menos como uma exposição, onde você aluga um espaço para divulgar seus produtos ou serviços.

Isso porque a rede de display, aqueles anúncios que aparecem como banners em sites parceiros ou blogs, alcança mais de 90% dos usuários da internet em todo o mundo.

Lives

Lives

Live é uma transmissão ao vivo feita em vídeo. Ela pode acontecer no Facebook, no YouTube, no LinkedIn ou na sua página da internet, por exemplo.  

Esse conteúdo pode ser muito útil na sua estratégia de vendas, já que captura 4 vezes mais a atenção do seu público.   

E você provavelmente já sabe que prender a atenção da sua audiência é essencial para conseguir vender.

Isso porque, sem atenção o potencial cliente não vai nem ouvir sobre os benefícios do seu infoproduto, muito menos comprar de você.

Por isso, invista em transmissões ao vivo e aumente as taxas de conversão do seu negócio.

Landing pages

Landing pages

Eu deixei essa última dica pra fechar com chave de ouro. Porque se você quer aprender como vender infoprodutos, não tem pra onde correr: Você precisa de uma boa landing page.  

Ou seja, uma página desenvolvida especialmente para capturar leads e aumentar a sua taxa de conversão.

Se você não sabe como fazer uma, não se preocupe. Nessa hora o Klickpages é a ferramenta ideal.

São só 3 passos para criar a sua landing page e começar a vender infoprodutos.

Olha só:

1. Escolha seu modelo: existem opções de alta conversão já testadas e aprovadas pelo mercado.

2. Divirta-se customizando a página: edite os textos, as cores e as imagens, além de ocultar elementos indesejados.

3. Publique: publique no seu próprio domínio, sem custos adicionais de hospedagem.

Esse processo é muito simples para você, mas a verdade é que isso só é possível porque nos bastidores do KP existe uma enorme equipe trabalhando para deixar tudo funcionando.

Dessa forma, você se livra do trabalho pesado, se diverte criando uma página com a sua cara e, de quebra, economiza tempo e ganha dinheiro.

Conclusão

Conclusão como vender infoprodutos

Nesse artigo, eu te mostrei que, com as estratégias certas, você consegue alcançar até mesmo os clientes mais difíceis.

Isso porque, assim como um iceberg, à primeira vista pode parecer difícil encontrar encontrar novos clientes além da zona de conforto.

Mas, nos dois casos, você só precisa focar e trabalhar para alcançar o lugar certo.

E foi exatamente isso que eu te mostrei nesse artigo: onde estão e como chegar aos mais diversos tipos de clientes com os infoprodutos.

Eu também te contei as vantagens que os infoprodutos oferecem e se existe mercado para para isso.

Além disso, você viu o que é preciso fazer antes de lançar um infoproduto e o melhor de tudo: eu te mostrei 7 ideias para vender infoprodutos e colocar dinheiro no bolso.

Algumas delas foram:

  • Marketing de afiliados, que pode te ajudar a ganhar dinheiro de duas maneiras diferentes;

  • O Fórmula de Lançamento que mostra o jeito certo de vender, antes mesmo de ter um infoproduto;

  • E as lives, que mantém até 4 vezes mais a atenção do seu público e faz você vender mais.

E aí, gostou das dicas?

Me conta aqui nos cometários qual é a melhor para o seu negócio, ou se você conhece alguma outra. 🙂

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Sobre o Autor

Adriana Carvalho

Apesar ter os dois pés bem plantados na realidade, adoro me transportar para os universos da fantasia como Nárnia, Terra Média e Hogwarts, claro. Trabalho como jornalista há mais de 11 anos e já escrevi sobre quase tudo. Sou apaixonada por viagens, livros, filmes e pessoas, não necessariamente nessa ordem (hahahaha). No time de conteúdo do Klickpages, escrevo sobre empreendedorismo e marketing digital porque acredito no poder das histórias.

Se você quiser ler outros conteúdos meus é só clicar aqui ;)