Como criar uma biografia no Instagram: o guia definitivo (com exemplos reais)

Como Criar uma Biografia no Instagram: O Guia Definitivo (Com Exemplos Reais)

Se você sabe como criar uma biografia no Instagram bem feita, já quebrou umas das maiores barreiras na hora de conquistar seu público: a da primeira impressão ruim.

Porque é como naquele ditado de a primeira impressão é a que fica.

Não sei se é a que fica para sempre, mas o fato é que ela tem um impacto muito grande na sua opinião sobre uma pessoa.

É como se você estivesse em uma festa. Você só se aproxima de quem te causa uma boa impressão logo de cara.

A forma como ela está vestida, a postura, a aparência. Tudo passa alguma mensagem para você. Se você gosta da mensagem, chega perto.

A mesma coisa acontece com a biografia do Instagram. Pode acreditar: muita gente nem olha suas publicações se não gostar da bio.

Uma bio bem feita pode ser a diferença entre ganhar ou perder mais seguidores e clientes em potencial.

A biografia é sua chance de iniciar um relacionamento com o visitante. Ela dá um start na sua comunicação com eles.

E isso importa. Porque o instagram é uma das ferramentas mais poderosas da internet. Mesmo.

São mais de 50 milhões de usuários ativos por mês no Brasil. Isso coloca o país em segundo lugar no ranking do Instagram.

Segundo lugar. E não é só isso.

Cada vez mais, as empresas estão usando essa rede social como aliada dos negócios.

Um comparativo rápido e impactante: 48,8% das empresas dos EUA em 2016 usavam o Instagram. No ano passado, esse número subiu para 70,7% (!).

É um salto que faz sentido, já que em 2016 surgiu o Instagram Empresas, que abriu várias possibilidades (como criar anúncios e acesso a dados da rede social).

Por que eu estou te falando tudo isso? Como empreendedor, eu me importo muito com o destaque das minhas empresas dentro do Instagram.

E eu aconselho que você também se importe. Porque 80% dos usuários da plataforma seguem pelo menos um perfil de empresa.

Para mim fica muito claro como o Instagram é essencial para a  estratégia de marketing das minhas empresas.

Vou dar um exemplo. No último lançamento, a taxa de conversão de leads para clientes foi o dobro no Instagram, se comparado com o Facebook.

Mas isso não teria acontecido se eu não me preocupasse em causar uma boa primeira impressão.

Nas próximas linhas eu vou te mostrar o passo-a-passo para conquistar isso. São 11 dicas que vão levar sua biografia do Instagram para outro nível.

Eu vou te dar exemplos reais. Porque eu não quero que você leia um artigo inteiro e saia daqui sem entender como fazer isso na prática.

Continue lendo para absorver todo o conhecimento das próximas linhas.

Que itens você pode colocar no perfil do Instagram?

Que itens você pode colocar no perfil do Instagram?

Para mim o contexto é muito importante. Por isso, antes de seguir para as 11 dicas para fazer uma biografia matadora, vou te explicar todos os itens que podem aparecer no perfil do seu Instagram.

Não adianta pensar só na biografia do Instagram isolada. Porque se você concentrar toda a sua energia nela e ignorar os outros itens do perfil, pode escorregar na banana.

É tipo ir para um casamento muito chique de calça social e chinelo. O conjunto importa.

Por isso, saca só os itens que você pode colocar no perfil do Instagram.

Foto de perfil

Não tem como. Esse é, para mim, um dos itens mais importantes. Porque ele dá o feeling do seu perfil muito antes de alguém clicar nele.

Se sua foto chama a atenção e passa profissionalismo e credibilidade, é muito mais fácil atrair cliques para o seu perfil.

Aliás, foi essa questão da foto que me deu o start para escrever esse artigo.

Mais cedo fui ali na cozinha pegar meu chimarrão e a Nathalia, da minha equipe, estava falando sobre uma amiga confeiteira dela.

O Instagram é a ferramenta de trabalho mais importante para essa amiga. É por lá que chegam as encomendas, é lá que ela posta os trabalhos.

A Nathalia contou que, até pouco tempo, essa amiga usava uma selfie bem comum como foto do perfil (que não passava absolutamente nada sobre a empresa).

Foi só mudar para uma imagem bem produzida e que fazia sentido com confeitaria para as encomendas multiplicarem.

Daí você pode tirar o impacto que uma boa foto de perfil tem.

Nome

Quando você entra no perfil de alguém, o nome é o que está em negrito.

Pode ser o nome da empresa, como é o caso do Klickpages.

Nome Klickpages

Ou o seu nome e o que você faz, se for um perfil profissional com sua cara, não com a cara da empresa, como é o caso do Bill Gates e do Mairo Vergara.

Nome Bill Gates

Nome Mairo Vergara

Só depende de qual é o seu objetivo. Uma empresa com o seu nome estampado, ou com o nome da marca.

Nome de usuário

Sabe quando você vai marcar alguém em alguma publicação e usa @nomedapessoa? Esse é o nome de usuário.

Meu conselho é que o Nome e o Nome de usuário sejam iguais ou muito próximos. Como é o caso da Cristiana Arcangeli, por exemplo.

Para simplificar o nome de usuário, ela encurtou para @crisarcangeli. Continua muito próximo do nome.

Nome de usuário Cris Arcangeli

Agora, a dica de ouro é que você use o mesmo nome de usuário em todas as redes sociais, além do Instagram.

Porque assim fica mais fácil para as pessoas memorizarem e te encontrarem com facilidade em todos os lugares.

Essa dica é valiosa para todos, mas principalmente para quem está começando a investir nisso agora. Porque é importante gravar sua marca na cabeça das pessoas o quanto antes.

Site

Aqui está uma coisa que eu já vi irritar muita gente. Porque no mundo do marketing digital é muito comum você ter mais de uma página.

Um blog, um site e uma página de inscrição, por exemplo.

Mas divulgar todas essas páginas dentro do Instagram sempre foi um pesadelo. Até pouco tempo, o espaço no perfil para o site era a única opção que você tinha para colocar um link clicável (ou seja, que dá para as pessoas clicarem).

Porque nada te impede de colocar links na descrição de fotos, por exemplo. Só não vai dar para clicar neles.

Agora também dá para arrastar para cima (swipe up) na função Stories (mas esse recurso de arrastar para cima só está disponível para quem tem mais de 10 mil seguidores).

O fato é que o Instagram é bem chatinho com esse negócio de link. Por enquanto, essas são as duas únicas opções que você tem – perfil e Stories.

E meu conselho é que você aproveite esses espaços ao máximo. Ou seu público vai ficar preso ao Instagram.

Se você ainda não tem um site ou um blog, pode colocar o link para seu perfil de outras redes sociais, como Facebook e Twitter.

Outra coisa, a URL (o link) tem que ser amigável. As pessoas têm que entender de cara do que se trata. Nada de links com mil números e letras aleatórias, ou links enormes.

Biografia (ou bio)

Finalmente a bendita. Se você chegou nesse artigo, é porque provavelmente quer saber o que escrever aqui.

Mas já deu para perceber que não dá para se concentrar só nesse item. O que faz a diferença é o conjunto.

A biografia é onde você explica, com poucas palavras, do que se trata o seu perfil. E quando eu digo com poucas palavras, é literalmente: você tem 150 caracteres para usar.

Em algumas linhas eu vou te explicar melhor como usar esse espaço. Por enquanto, o importante é saber para que ele serve.

O que escrever no perfil do Instagram em 11 passos simples

O que escrever no perfil do Instagram em 12 passos simples

Até aqui você já sabe todos os elementos que uma biografia tem que ter.

Agora chegou a hora de aprender os 11 passos simples para escrever o seu perfil do Instagram criativo agora mesmo!

#1 Você está no aeroporto certo?

Eu não sei se você já assistiu o seriado Friends. É um dos mais famosos e reprisados do mundo. Conta a história de seis amigos vivendo em Nova Iorque.

Lá na última temporada, tem essa cena que dá um frio na barriga. Um dos personagens, o Ross, quer declarar seu amor pela Rachel.

O drama: a Rachel está no aeroporto, prestes a pegar um avião para Paris.

Ross fica doido para chegar a tempo no aeroporto. E consegue, minutos antes do embarque.

O único problema é que ele foi para o aeroporto errado. Rachel está do outro lado da cidade.

Aí dá para imaginar a decepção que foi para ele.

A situação é a mesma que acontece com seu negócio. Se você vai para o aeroporto errado, perde a chance de se declarar.

O aeroporto certo é onde seu público-alvo está. Antes de criar um perfil no Instagram, você precisa saber se seu público-alvo está lá.

Isso envolve muita pesquisa de mercado e definição de personas. E esse são as primeiras etapas da criação de qualquer negócio.

Meu conselho é que você defina tudo isso bem direitinho antes de se aventurar nas redes sociais.

#2 Use todos os recursos disponíveis

Eu acabei de te falar que uma das coisas enjoadas do Instagram é a falta de espaço para colocar links clicáveis.

Essa era uma dificuldade que eu tinha no perfil do Klickpages.

Quem me acompanha por lá, sabe que a cada post novo do blog eu atualizo o link na biografia. Mas isso me deixava muito limitado.

Aí eu e minha equipe tivemos uma sacada: usar a função de stories fixos (que ficam abaixo da biografia) para colocar informações essenciais, como nessa imagem.

Use todos os recursos disponíveis Stories Fixos Klickpages

Essa foi uma mudança recente no perfil do Instagram do Klickpages e os resultados vieram logo em seguida.

Muitas dúvidas repetidas que surgiam nas mensagens privadas (direct) pararam de aparecer com tanta frequência. Porque as respostas para essas dúvidas estão todas lá, bem no perfil.

Foi a forma que a gente encontrou para otimizar o uso do Instagram.

O Instagram é limitado com uso de links. Mas isso não significa que você não possa ser criativo.

#3 Sem blá blá blá

A biografia é o espaço para você colocar quem é você e o que você faz, o que sua empresa faz ou em qual segmento ela atua.

Como no exemplo abaixo, da Camila Porto:

Sem blá blá blá Camila Porto

Esse é o jeito mais fácil de deixar bem claro para o seu visitante o que ele vai encontrar no seu perfil. Como eu já te disse, o espaço é bem limitado (150 caracteres), então você precisa ser muito objetivo e claro.

Aqui não é a hora de contar uma história cheia de voltas. É tipo aquelas entrevistas ping-pong (só com perguntas e respostas rápidas) que o entrevistador pede pro entrevistado se definir em uma palavra.

#4 Acenda os holofotes

Conte algo interessante. Só dizer que você é um nutricionista, por exemplo, pode não ser o suficiente. Porque existem muitos por aí.

Escreva algo que te dê destaque, algo que você é especialista, ou alguma realização, algum resultado importante que você teve.

Tipo o que o Jeff Walker fez, contando sobre a posição que alcançou na lista do NY Times com seu livro Launch.

Acenda os holofotes Jeff Walker

#5 Fique disponível para seu público

Deixe a porta aberta para a comunicação com os visitantes e seguidores do seu perfil. O e-mail para contato, um número de telefone, endereço, enfim.

Quem vai decidir qual forma de contato é mais relevante para seu negócio é você. Mas, se você não segue esse passo, está colocando uma barreira no relacionamento com essas pessoas.

Porque elas não vão saber como podem se comunicar com você. Foi o que eu fiz com o Klickpages, destacando essa informação nos Stories fixos, como já te falei.

Fique disponível para seu público Klickpages

Tem coisa que não dá para tratar por comentário ou direct. Se seus visitantes e seguidores não te acham acessível, eles não vão dar muita bola para você.

Por que interagir com alguém que obviamente não está a fim de papo?

#6 Uma imagem vale mais que mil caracteres

Use emojis (tipo aquelas carinhas). Esse recurso é popular no Instagram: 50% das legendas e comentários têm pelo menos um emoji.

No caso da biografia, não esqueça que seu espaço para escrever é muito limitado (150 caracteres). Daí os emojis são ótimos para resumir o que você quer dizer, passar a mensagem ou emoção que você quer, como a Kamon fez.

Uma imagem vale mais que mil caracteres

Se você souber escolher bem, eles tornam sua mensagem mais clara, direta e objetiva. E como são figuras, faz todo o sentido usá-los no Instagram, já que essa plataforma é visual.

#7 Chame para ação

As chamadas para ação (ou CTAs) servem basicamente para convidar quem te segue ou consome seu conteúdo a dar um próximo passo.

Pode ser entrar em contato com a empresa, seguir nas redes sociais, clicar em um link, fazer um comentário. Não tem mistério.

Quer um exemplo? Vídeos no Youtube são lotados de CTAs.

“Siga meus perfis nas redes sociais, dê joinha no vídeo, inscreva-se no canal”. Por aí vai.

No Instagram, o Erico Rocha deixa um link para os visitantes baixarem um guia.

Chame para ação Erico Rocha

#8 SEO na veia (ou quase isso)

Eu já falei algumas vezes aqui no blog como seguir uma estratégia de SEO é indispensável para um negócio digital.

Quando você produz conteúdo para internet, o objetivo é parar na primeira página de buscas do Google. Porque 90% dos usuários não passam da primeira página.

E quem já está por dentro de SEO sabe que uma das coisas mais importantes é usar palavras-chave para direcionar seu conteúdo.

A lógica é a mesma para o Instagram. Usar palavras-chave na biografia do Instagram ajuda na busca dentro da própria ferramenta para que seu perfil apareça para as pessoas certas.

Por exemplo, se você tem um negócio de Moda, é interessante usar essa palavra na biografia do Instagram.

#9 E as hashtags?

Imagine quanta informação tem na internet enquanto você lê essa linha. Tem quase um bilhão e novecentas páginas na internet.

Encontrar o que você quer no meio disso tudo é tipo procurar uma agulha no palheiro. Pode demorar mais tempo do que você tem disponível.

Uma das funções das hashtags é facilitar essa busca. Porque quando você usa #marketingdigital, por exemplo, só vai encontrar conteúdo sobre esse assunto.

Aí sua busca está direcionada para o que você quer.

Usar hashtags na biografia do Instagram é uma forma de direcionar o público certo para o seu perfil, porque você passa pelo filtro daquela hashtag.

Mas não precisa ficar preso a hashtags que já existem. Você pode criar sua própria para gerar engajamento do seu público.

Tipo a influenciadora digital Rayza Nicácio. Ela criou a hashtag #vamosfazerodiabom que já estava com 56,6 mil publicações das seguidoras dela quando escrevi esse artigo. 

Isso gera engajamento e dá força para a sua marca. 

E as Hashtags?

#10 Blocão de texto não

Esse é um truque para deixar sua biografia mais interessante: quebrar a linha.

Eu digo truque porque dentro da ferramenta não dá para fazer isso só apertando espaço.

Se você acompanha meu Instagram, deve ter percebido que eu uso esse recurso nas postagens.

Blocão de texto não

Esses espaços entre um parágrafo e outro são essa quebra de linha. Para fazer isso você precisa adicionar um caractere invisível. É simples:

  • Abra o bloco de notas

  • Aperte a tecla espaço algumas vezes

  • Dê dois cliques na tela para copiar o espaço em branco

  • Pronto! Esse é seu caractere invisível.

Para adicioná-lo em uma postagem, é só escrever o texto que você quer, dar enter (return) e colocar o caractere invisível na linha que você quer que fique em branco.

Esse recurso ajuda a deixar seu texto e sua biografia mais organizados.

#11 Aposte na linguagem certa

Como você fala com um adolescente de 16 anos e com um senhor de 65? Acredito que não é do mesmo jeito.

Porque são públicos diferentes (idade é apenas um dos fatores que determinam essa diferença).

Então, para se comunicar com seu público da melhor maneira possível, você tem que usar uma linguagem que tenha a ver com ele.

Não dá para usar gírias de jovens com um público mais velho, por exemplo. Porque não gera identificação e aproximação com esse público.

A linguagem que você usa para se comunicar mostra a identidade da sua marca.

E a sua biografia do Instagram é o lugar perfeito para mostrar essa identidade. Então, meu conselho é: desde a bio, use uma linguagem adequada para o seu público.

Comece a capturar leads hoje mesmo com o Klickpages

Como criar uma biografia no instagram Comece a capturar leads hoje mesmo com o Klickpages

Se ainda não usa o Instagram para capturar leads, está perdendo uma oportunidade.

Conforme conversa com o usuário nas postagens, não perca a chance de obter seu contato para, depois, promover abordagens mais direcionadas.

Pode ser um convite para assinar uma newsletter, receber novidades por e-mail, baixar um e-book ou se inscrever em um curso gratuito.

Para todo o tipo de ação, caprichar na landing page aumenta muito a chance de confirmar as conversões que você tanto deseja.

Nessa hora, Klickpages é a ferramenta ideal.

Veja os três passos básicos para criar a sua:

  1. Escolha seu modelo: conheça opções de alta conversão comprovada por testes.

  2. Customize a página: edite os textos, as cores e as imagens, além de ocultar elementos que pouco agregam.

  3. Publique: por fim, é só publicar no seu próprio domínio, sem custos adicionais de hospedagem.

Conclusão

Como criar uma biografia no instagram conclusão

Não dá para ignorar a importância de uma biografia bem feita no Instagram: ela que determina qual será a primeira impressão que os visitantes terão do seu perfil.

Neste artigo, você viu que itens você pode colocar no perfil do Instagram: foto de perfil, nome, nome de usuário, site e biografia.

Eu também te mostrei os 11 passos para ter um perfil matador que conquista os visitantes que chegam até ele.

Como usar emojis, ir direto ao ponto, usar a linguagem certa e apostar em chamadas para ação.

Depois dessas dicas, você está mais do que preparado para otimizar seus resultados com o Instagram.

Não deixa de me contar nos comentários de qual dessas dicas você mais gostou. 

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Sobre o Autor

Hugo Rocha é co-fundador da Ignição Digital e do Klickpages. Já atuou diretamente nos bastidores dos maiores lançamentos digitais do Brasil. Atualmente está a frente da equipe de tráfego e crescimento da Ignição Digital e Klickpages liderando pessoalmente mais de R$ 4 milhões de reais em investimento em tráfego nos últimos 12 meses com ROI acima de 300%.