Automação de marketing: o que é, benefício e dicas de como fazer

Automação de marketing: o que é, benefício e dicas de como fazer

A automação de marketing vem revolucionando a maneira como as empresas trabalham para atender às demandas do seu público-alvo.

A partir de novas tecnologias, é possível levar as suas mensagens para as pessoas certas no momento exato.

E o melhor: sem ter que estar preso ao computador 24 horas por dia.

Parece bom, não é mesmo?

Os benefícios da automação de marketing tornaram o processo de promoção mais fácil, menos desgastante e mais conveniente do que nunca – liberando tempo e energia dos profissionais para se concentrarem em outras tarefas importantes.

Mas se você ainda não entende bem o conceito ou precisa de informações para contratar um software de automação de marketing, siga a leitura e tire as suas dúvidas.

Este é um artigo completo sobre o tema, que vai muito além de explicar o que significa automação de marketing.

A partir de agora, vamos apresentar as suas vantagens, particularidades de funcionamento e dicas para qualificar a sua estratégia e resultados obtidos.

Vamos lá?

O que é automação de marketing?

O que é automação de marketing?

A automação de marketing é um processo através do qual são realizadas de maneira automática as tarefas relacionadas às ações de divulgação e vendas. Isso acontece a partir de um programa de computador (software), com o objetivo de qualificar a produtividade, a eficiência e os resultados das campanhas.

O que ela faz, basicamente, é automatizar tarefas que se repetem para que ações de marketing sejam colocadas em prática.

Dessa forma, o uso de uma solução em automação de marketing pode ser usado para a gestão de diferentes campanhas, como mensagens SMS, mídias sociais, anúncios online e e-mail marketing, entre outras.

Com um exemplo, tudo fica mais claro.

Imagine o envio de uma campanha por e-mail, considerando que na sua lista há cerca de mil endereços eletrônicos.

Sem uma solução automatizada, você teria que enviar um a um e trabalhar sobre as falhas de envio, filtrando e corrigindo os endereços preenchidos de forma incorreta.

Isso sem falar no controle sobre a ação, considerando e-mails que foram ou não abertos, que resultaram ou não em cliques, etc.

É muito trabalho até mesmo para uma equipe numerosa, concorda?

Pois é exatamente por isso que você não deve realizar tal tarefa manualmente, mas sim fazer uso de uma solução automatizada.

Ficou mais claro sobre o que estamos falando?

Além de otimizar a sua performance, a automação de marketing também ajuda você a ficar conectado com o seu público e até mesmo a encontrar mais pessoas com o mesmo perfil de interesse.

Juntamente com os mecanismos de personalização, ela envolve clientes e clientes em potencial por meio de conteúdo altamente relevante que, por sua vez, acaba convertendo-os em consumidores fiéis e satisfeitos.

Parece óbvio que estamos falando sobre um processo vantajoso, não é mesmo?

Mas para que não restem dúvidas sobre os benefícios da automação de marketing, vamos listá-los com detalhes no tópico a seguir.

6 benefícios da automação de marketing

6 benefícios da automação de marketing

Como a maioria das tecnologias, a automação de marketing está em constante evolução para atender cada vez melhor às necessidades dos profissionais do setor.

Quando a sua equipe planeja e estrutura bem o seu fluxo de automação, você consegue observar resultados diretos nas conversões, no número de leads e, claro, na sempre importante receita.

A verdade é que as plataformas de automação de marketing vão além de simples ferramentas de suporte.

Elas realmente mudam o desempenho da equipe de marketing ao simplificar ou até mesmo eliminar tarefas repetitivas e contraproducentes do dia a dia.

Vamos conferir mais alguns benefícios expressivos da automação de marketing?

1. Maior geração de leads

Um dos grandes benefícios que a automação de marketing oferece aos profissionais de marketing é a capacidade de alcançar seus possíveis clientes.

E isso acontece de maneira personalizada e em diferentes canais, tanto no online quanto no offline.

Estamos falando de uma maior geração de leads, que são os potenciais clientes, os quais ingressam no seu funil de vendas a partir de uma primeira interação com sua marca, como ao baixar um e-book.

Ao criar um fluxo de automação, você pode optar por enviar aos clientes um e-mail, uma mensagem de texto, um tweet ou um telefonema quando eles atingirem determinados estágios das suas respectivas jornadas do comprador.

Não há necessidade de monitorar o estágio de cada lead no relacionamento com a sua empresa, pois o sistema faz isso por você.

A automação permite que a equipe de marketing conheça e entenda quem está interagindo e por que está fazendo isso.

A partir daí, então, é possível enviar um conteúdo mais relevante, adaptado especificamente às suas necessidades e, com isso, aumentar o número de leads mais qualificados, que se aproximam da concretização da venda.

2. Aumenta as oportunidades de venda

Ao automatizar seus cross-sells, up-sells e follow-ups de clientes, você provavelmente notará um aumento no valor do tempo de vida do cliente.

Quando você combina isso com melhor gerenciamento e priorização de leads, é provável que a sua atividade de vendas gere um Retorno sobre o Investimento (ROI) melhor.

Praticamente todos os benefícios descritos neste post contribuem para aumentar a receita e o tamanho dos negócios de uma maneira ou de outra.

E qual negócio vai para frente sem dinheiro, não é mesmo?

3. Reduz o ciclo de venda

Reduz o ciclo de venda

Logicamente, como você gera um maior número de leads e consegue, ao mesmo tempo, acompanhar e nutrir esses leads, você também passa a reduzir o ciclo de vendas.

Isso porque os consumidores já ficam mais informados, o que diminui o tempo argumentando sobre sua a empresa e sobre o que o seu produto pode fazer para ajudá-los a resolverem seus problemas na prática.

Imagine o seguinte: aquele visitante do seu site assinou uma newsletter e agora passa a ter as interações com a sua empresa monitoradas.

Automaticamente, você descobre quais assuntos interessam mais a ele, o que é um indicativo claro sobre o seu ponto de dor.

Com mais conteúdo sendo entregue com a mesma finalidade, esse lead vai rapidamente se aproximando do fundo do funil, sendo preparado para gerar uma venda muito mais rápido e sem a intervenção humana.

É tudo fruto da automação de marketing.

4. Nutrição de leads

Sua empresa tem um blog?

Caso tenha, quando você publica um artigo, compartilha o conteúdo nas redes sociais? E o que mais?

Por meio da automação de marketing, você pode dar um novo objetivo para o conteúdo produzido.

Não sabe como?

Basta configurar regras automatizadas para nutrir seus leads e guiá-los pela jornada do comprador, levando em conta os seus interesses e o histórico de interações com sua empresa.

Ou seja, você utiliza a automação para recomendar conteúdos relevantes e que instruam seus leads e clientes durante esse processo.

O conteúdo certo ajudará a criar mais oportunidades em seu site, ao mesmo tempo em que estimula os leads existentes até que eles estejam prontos para o próximo nível, que é interagir com a sua equipe de vendas.

5. Seu funil fica mais eficiente

Seu funil fica mais eficiente

Todo processo de vendas tem seus próprios estágios, dependendo do seu modelo de negócio.

Por exemplo, as empresas B2B, que negociam com outras pessoas jurídicas, possuem um processo mais argumentativo e complexo.

Isso acaba estendendo o seu funil de vendas mais do que acontece com as empresas B2C, no qual o processo se destina ao consumidor final é muito mais rápido.

Independentemente, ao analisar o comportamento do consumidor, a automação de marketing possibilita que você entregue o conteúdo certo no momento certo.

Como consequência, esse consumidor passa para os próximos estágios do funil de forma natural e assim segue até chegar ao momento da compra.

É evidente a melhora na eficiência no processo como um todo.

6. Aumenta a produtividade dos vendedores

Essencialmente, a automação serve para simplificar as tarefas organizacionais de rotina e processos de marketing, certo?

Quando você substitui o trabalho manual repetitivo por regras e campanhas automatizadas, naturalmente libera o tempo da sua equipe para se concentrar em demandas mais criativas ou que exigem um monitoramento manual mais rigoroso.

Ou seja, troca trabalhos entediantes (mas importantes) por outros que exigem um maior nível de atenção e qualificação do profissional.

Concentrando a sua equipe em tarefas criativas variadas, ao invés de demandas repetitivas comuns, você consegue ter mais produtividade e gerar resultados mais satisfatórios.

Dicas para iniciar a automação de marketing na sua empresa

Dicas para iniciar a automação de marketing na sua empresa

É fato que a internet mudou a maneira como os consumidores compram.

E você também não pode se conectar ao seu cliente fazendo uso de velhas e obsoletas práticas.

As empresas precisam se adaptar para responder a essa mudança e atender à nova demanda.

A automação de marketing entra, então, como uma peça importante para impulsionar a sua geração de leads e fornecer comunicações mais relevantes para as pessoas certas no momento exato.

Para que você comece no caminho certo, selecionamos algumas dicas de automação de marketing a seguir.

Tenha processos e objetivos claros

Primeiramente, você precisa entender bem os próprios processos e estágios do seu ciclo de vendas.

Caso contrário, a automação de marketing pode não funcionar tão bem quanto o esperado.

Além disso, é preciso ter objetivos e métricas bem definidas. São eles que irão guiar suas campanhas e a própria automação.

Não para por aí e se questione:

  • Quem você deseja atingir?

  • Quais os resultados esperados?

  • Como você irá avaliar o desempenho das suas campanhas?

Essas são apenas algumas das perguntas que precisam ser respondidas nesta primeira etapa.

Se você ainda não tem noção por onde começar, sente com sua equipe de marketing e de vendas, promova um brainstorming e tente identificar cada estágio do ciclo de vendas.

Escolha uma ferramenta/software que atenda às suas necessidades

O objetivo da automação de marketing é eliminar tarefas repetitivas para que a sua equipe possa focar em pontos mais importantes, certo?

Existe uma variedade de ferramentas disponíveis no mercado para te auxiliar nessa jornada, cada uma direcionada a um processo específico de suas campanhas.

Vamos apresentar agora uma lista com algumas delas, começando pelo Klickpages, é claro!

O importante é que você avalie suas necessidades e escolha um software que atenda às suas necessidades e, ao mesmo tempo, tenha um bom custo-benefício.

Defina como vai ser a interação com o lead em cada uma das etapas de compra

Defina como vai ser a interação com o lead em cada uma das etapas de compra

O próximo passo é definir como vai ser a interação com seus leads em cada uma das etapas de compra.

Isso é necessário porque cada pessoa tem as suas preferências na hora de se comunicar.

Por exemplo, um jovem talvez prefira se relacionar através das redes sociais, enquanto clientes mais experientes podem preferir um telefonema ou e-mail como canal mais apropriado.

Por isso, durante a construção da sua buyer persona, certifique-se de identificar quais suas preferências de comunicação.

Isso irá garantir que as suas mensagens tenham o efeito desejado, provocando atração e não repulsa junto ao público.

Decida quais conteúdos apresentar em cada etapa de compra

Feito isso, é hora de decidir quais conteúdos você irá oferecer para o lead em cada etapa da sua jornada.

Vamos supor que o lead ainda está na fase de reconhecimento do problema, no topo do funil, pesquisando sobre o que precisa para converter mais visitantes em clientes.

O ideal aqui é que você envie o post do seu blog com algumas dicas sobre como otimizar uma landing page, por exemplo.

Agora, se ele já identificou seu problema e sabe o que ele precisa para mudar a situação, o ideal seria enviar conteúdos de fundo de funil.

Pode ser contendo algumas ferramentas para criar uma landing page de alta conversão.

Percebeu como funciona essa dinâmica?

Implemente fluxos de nutrição de leads

Posteriormente, é preciso incluir esses conteúdos em fluxos de nutrição de leads específicos para cada uma dessas etapas, configurando as regras necessárias para avançar no fluxo e definindo a periodicidade desses envios.

Se o lead baixa um e-book sobre como fazer e-mail marketing eficiente, por exemplo, após quantos dias você irá enviar um novo conteúdo para complementar esse material rico?

Lembre que o espaço de tempo entre um envio ou outro não pode ser muito longo.

Essa estratégia tem por objetivo manter o assunto ainda fresco na mente do lead.

Mensure a eficiência das suas campanhas

Mensure a eficiência das suas campanhas

Como toda ação de marketing, é preciso que você mensure com eficiência as suas campanhas e os seus fluxos de automação.

Então, é chegado o momento de usar as métricas que você definiu lá no começo.

São elas que irão esclarecer se a sua campanha está tendo um bom desempenho ou não.

Por exemplo, se a maioria dos leads parar de abrir seus e-mails a partir do segundo envio, talvez seja necessário realizar um teste A/B com o título no assunto do e-mail e, após, optar por aquele que tenha uma maior taxa de abertura.

Faça testes e esteja sempre melhorando

Tudo pronto?

Antes de colocar a sua automação de marketing para rodar, faça alguns testes com pessoas da sua empresa primeiro.

Isso garante que possíveis falhas possam ser corrigidas antes mesmo de chegar aos leads e que podem impactar negativamente na recepção das mensagens.

Além disso, fazer testes permite que você esteja sempre melhorando a sua automação.

É uma tática importante para que todos os leads cheguem até o final do fluxo.

Também possibilita que eles façam a tomada de decisão de compra com a certeza de que sua solução é a melhor para aquele momento.

Não esqueça do pós-venda

Pronto, consegui converter um lead em cliente após todo esse processo de automação de marketing, e agora?

Primeiramente, parabéns!

Isso significa que você seguiu todas as etapas e fez tudo certo, mas engana-se quem pensa que apenas conseguir fazer a venda é o suficiente.

Hoje em dia, o pós-venda tem tanta importância quanto esse processo de preparação do lead para a conversão em vendas.

Por isso, é importante investir em estratégias de follow-up também.

Se você ainda não está familiarizado com o termo, saiba que ele consiste em fazer contato com o cliente após a venda, seja por e-mail, telefone ou outro canal de comunicação de sua preferência.

Esses pontos de contato servem para que você acompanhe o cliente, de modo a saber se ele está satisfeito com o produto ou serviço, se tem alguma dúvida quanto ao funcionamento, se existem pontos que podem melhorar, entre outros, focando no customer success.

Neste outro artigo, mostramos 7 passos eficientes para você planejar a estratégia de follow up com seus clientes.

Comece a capturar leads hoje mesmo com o Klickpages

Comece a capturar leads hoje mesmo com o Klickpages

O que acha de usar a automação de marketing para capturar leads?

A proposta é usar o seu o seu site, blog ou redes sociais para estabelecer um primeiro contato.

Pode ser em artigos ou promoções: o que importa é não perder a chance de obter o seu contato para, depois, promover abordagens mais direcionadas.

Nessa hora, vale um convite para assinar uma newsletter, receber novidades por e-mail, baixar um e-book ou se inscrever em um curso gratuito.

Não importa qual for a ação, o segredo das conversão está na criação de uma landing page poderosa.

Para isso, o Klickpages é a ferramenta ideal.

Crie a sua em três passos básicos:

  1. Escolha seu modelo: veja opções de alta conversão comprovada através de testes.

  2. Customize a página: feita a escolha, edite os textos, as cores e as imagens, além de ocultar elementos que pouco agregam.

  3. Publique: por fim, é só publicar no seu próprio domínio, sem custos adicionais de hospedagem.

Conclusão

Automação de marketing Conclusão

Esperamos que este artigo tenha ajudado na compreensão sobre como você pode usar a automação de marketing a seu favor.

Caso decida que é algo que se encaixa nas necessidades para sua empresa, o próximo passo é escolher qual ferramenta é a mais adequada para você.

Com as dicas que conferiu aqui, não tem erro.

Se você acertar na estratégia, não apenas a sua empresa, mas também seus clientes ficarão satisfeitos.

Siga contando com o Klickpages para qualificar os resultados de suas campanhas.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS!

Sobre o Autor

Hugo Rocha é co-fundador da Ignição Digital e do Klickpages. Já atuou diretamente nos bastidores dos maiores lançamentos digitais do Brasil. Atualmente está a frente da equipe de tráfego e crescimento da Ignição Digital e Klickpages liderando pessoalmente mais de R$ 4 milhões de reais em investimento em tráfego nos últimos 12 meses com ROI acima de 300%.